September 15, 2006

“O Portugal que sai da crise”

Posted in imprensa, política nacional, sociedade at 2:02 pm by Ana

Na Visão desta semana o que mais gostei de ler foi o artigo sobre o software livre e um outro, tema de capa, sobre empreendedorismo e inovação. Gostei de ler este último justamente por dar uma ideia diferente e mais animadora da economia e das pessoas por detrás dela. Gostei de ler histórias de pessoas que deram a volta por cima, que inovaram, que perseveraram, que arriscaram, e que agora vêem o seu trabalho dar frutos. É em histórias destas que me inspiro e que me apoio quando as coisas parecem mais negras.

Acredito firmemente que a iniciativa privada e as empresas são um veículo privilegiado de mudança de mentalidades e paradigmas, de inovação, de trabalho social e comunitário. É tempo de acabar com esta cultura de mama do Estado e de dormir à sombra dele (a bananeira). Leva a que só nos queixemos de tudo e fiquemos à espera que alguém faça alguma coisa. Mas o pior é que (quase) ninguém faz nada… de jeito, pelo menos. 😛

Neste país em que os governos só se governam a si próprios, são as empresas que devem liderar o caminho, e levar a sociedade a reboque. Ou isso ou é melhor emigrarmos todos porque os políticos não têm estofo para salvar este país.

“Imigrantes são bom negócio”

Posted in imprensa, política at 1:47 pm by Ana

Na Visão desta semana vem um artigo pequenino em que é dito que algumas prisões privadas americanas estão entre as 10 empresas mais rentáveis, na Bolsa de Nova Iorque. Explicam também que o negócio começou a prosperar desde que o Bush anunciou a sua campanha anti-imigração clandestina que levará para a cadeia 27 mil “sem-papéis”.

Fiquei parva:

  1. não sabia que havia prisões privadas… Isso não devia ser algo apenas reservado ao Estado? Não é preocupante que haja privados a ganhar com ter mais pessoas atrás das grades? Os lobbies deste género, contra os imigrantes, por exemplo…
  2. os EUA têm a maior população prisional do mundo (2,1 milhões de pessoas), o que dá 1 recluso por cada 140 cidadãos “livres”… (!!)

Que raio, faz algum sentido que ponham pessoas na prisão antes de elas cometerem crime algum? Como se pode criminalizar alguém por simplesmente se deslocar na Terra? Quem somos nós para impedir outros de sair de dentro de um conjunto de linhas imaginárias desenhadas no chão? Isto não pode estar certo!! 😦

September 14, 2006

A Marcha dos Pinguins (featuring a banana!)

Posted in featured on Flickr!, imprensa, movimentos, up close & personal at 10:50 pm by Ana

A Marcha dos Pinguins - Parte 1A Marcha dos Pinguins - Parte 2A Marcha dos Pinguins - Parte 3A Marcha dos Pinguins - Parte 4A Marcha dos Pinguins - Parte 5

Eu sou a gaja (sim, só aparece uma) do PC com as entranhas em tom de azul (sugestão do Bruno, claro), e com alguns CDs de UBUNTU “casualmente” em display, eheheh! 😛

Achei o título muito giro. 😉 E o artigo também está fixe. É bom ver que estas questões começam a ter alguma visibilidade nos suportes media tradicionais. Claro que há uma míriade de assuntos relacionados que passam completamente ao lado da esmagadora maioria dos portugueses, como as patentes (de software ou outras, como as da biotecnologia) e as questões e as polémicas do copyright e do fair use (DRM e demais chulices).

Fiquei surpresa ao saber que a ANSOL só tem 50 sócios. Then again, acho que o Bruno (um deles) já me tinha referido isso há tempos. Tenho que me tornar sócia também para aumentar as fileiras oficiais. 🙂 Talvez com mais gente consigam assinalar decentemente o Software Freedom Day, pelo menos algo mais que organizar uma almoçarada e distribuir uns CDs… :-/

September 12, 2006

Bike commuters na imprensa portuguesa

Posted in eventos & Cia, featured on Flickr!, imprensa, mobilidade, sociedade at 5:12 pm by Ana

No dia 10 de Setembro saiu um artigo no Público sobre os utilizadores “non-recreational” de bicicletas em Portugal. Pode ser lido aqui:

P.S.: Mais um passeio de bicicleta. No site da FERTAGUS:

Passeio Pais e Filhos

«No âmbito da Semana da Mobilidade a Fertagus irá promover em conjunto com o Clube Ciclismo de Almada, um passeio de bicicleta no dia 16 de Setembro pelas 10h. Este passeio terá partida na estação do Pragal, com direcção ao Parque da Paz em Almada e regresso novamente à Estação do Pragal, onde será sorteada uma bicicleta de criança.

O passeio denominado “Passeio Pais e Filhos”, tem como propósito sensibilizar a faixa etária mais jovem para as questões de deslocações e do ambiente, tendo também como objectivo proporcionar uma manhã de saudável convívio entre as crianças e os pais, num animado passeio de bicicleta.»

August 13, 2006

Correlação entre beleza e inteligência/sucesso

Posted in ciência, imprensa at 4:17 pm by Ana

Na revista Sábado da semana passada saiu um artigo que falava de um estudo científico em que se concluiu que as pessoas mais bonitas tinham melhores resultados na escola e, consequentemente, mais sucesso na vida.

Acho que faz sentido o que eles referem acerca da auto-estima, mas no entanto não posso dizer que tenha constatado esta correlação beleza-inteligência ou beleza-sucesso ao longo da vida. Será que há alguma falha no método deles ou será (falta de) coincidência?

Giras e espertas (com uma ajuda)

August 9, 2006

É preciso ter lata

Posted in ambiente, imprensa at 9:26 pm by Ana

Primeiro fazem coisas que não devem em sítios onde não devem e de formas que não devem. Tudo ilegal. Depois vêm queixar-se das más condições, e exigir que o Estado (i.e., nós) façamos alguma coisa. Nice.

É como os gajos que fazem casas nas dunas, em cima das falésias, a um passo do mar. Depois vêm as ondas, arrasam tudo e alguém tem que pagar os estragos. Nós. Eles fazem merda e os outros que paguem o prejuízo no fim, e duplamente, a tentar salvar o sítio (tipo a costa) e a casa arruinada. Claro que até aí eles gozaram do privilégio da praia nas traseiras de casa. E isto quer com barracas quer com casas de luxo, construídas ilegalmente, como devia ser sempre a construção nessas zonas, ou legalmente.

No DN: “Casas abarracadas e muito pó no caminho da praia da Fonte da Telha”

«As praias, rodeadas por casario degradado construído na frente de mar e junto a uma falésia, têm como único acesso uma estrada íngreme que se enche de filas de carros durante a época balnear

(…)

«Como não há saneamento básico, os esgotos domésticos são despejados para fossas. “Estamos neste impasse, é hoje, é amanhã, é este ano, é noutro ano e nada se faz“, lamenta o presidente da Associação de Moradores da Fonte da Telha, António Amorim, que ergueu a sua casa ilegalmente numa área limitada por mata protegida, numa altura em que “toda a gente fazia o mesmo”.»

(…)

«Enquanto persiste o impasse, moradores, comerciantes, pescadores e utentes das praias queixam-se do estado de abandono da Fonte da Telha, da falta de acessos, estacionamento e pó. “Os clientes chegam para jantar, passa um carro ou uma mota e é uma poeirada”, reclama Artur Tavares, proprietário há mais de 20 anos de um restaurante.»

É preciso ter lata! “Toda a gente fazia o mesmo”! Assim é que é, ah valente!

July 22, 2006

O Café do Senhor

Posted in featured on Flickr!, imprensa, insólito, notícias, teísmos at 11:14 pm by Ana

O primeiro café do género na Península Ibérica, abriu na Amora, Seixal.

Um “café cristão“. E o que é isso, perguntam vocês. É um sítio onde se pode ir à missa, ler a bíblia e estar com outros “cristãos”. Uma espécie de Igreja privada, um chill out para crentes.

Não se pode fumar (louvável), não se vende álcool (pensava que isso era com os islâmicos), não se pode jogar (não especificam a quê, será que o jogo do galo passa?), não há jornais sobre as mesas mas apenas bíblias (não se esqueçam que ler jornais e navegar na web é pecado) e a decoração é “espartana”. A mim parece-me um sítio meeeeeeeesmo apelativo (not!).

Isto até seria preocupante, se não fosse tão simplesmente risível.

Supostamente, a iniciativa visa 2 propósitos: angariar receitas para um projecto de ajuda a toxicodependentes e evangelização. É impressão minha ou a Igreja Católica não faz obra social nenhuma que não esteja associada a uma campanha de “evangelização” e conversão? “Estás com fome? Toma lá comida. E agora abraças o catolicismo, ceeeerto?“. Não me parece muito desinteressado ou abnegado.

Se a religião e o catolicismo é uma cena assim tão boa, porque têm tanto trabalho a vendê-la e impingi-la aos outros? As coisas boas pegam por elas próprias depois de as pessoas tomarem contacto com elas. Ou não?

O Café do Senhor - Parte 1O Café do Senhor - Parte 2

O Café do Senhor - Parte 3O Café do Senhor - Parte 4

O site deles condiz com o resto…

July 21, 2006

O cientista/mágico

Posted in ciência, eventos & Cia, imprensa at 8:37 pm by Ana

Na próxima 2ªf, dia 24 de Julho, às 15h, o Professor Clint Sprott vai fazer uma apresentação do seu espectáculo “Wonders of Physics” na Universidade de Aveiro. Este professor de Física na Universidade de Wisconsin (EUA), especialista em dinâmica não linear, faz espectáculos – que parecem de ilusionismo – usando experiências científicas que visam suscitar interesse pela Física por parte do público.

Deve ser muito giro. Numa altura em que as pessoas fogem das ciências exactas era bom ter mais gente a fazer isto! 🙂

July 19, 2006

Miséria desnecessária

Posted in imprensa, notícias, política, sociedade, teísmos at 8:52 pm by Ana

Haverá guerra mais estúpida do que aquela por motivos religiosos?

Editorial

Tanta coisa má a que as pessoas estão sujeitas, e há países, grupos, a aniquilarem-se mutuamente, a destruirem as pessoas e o património (natural e construído) uns dos outros porque uns e outros acreditam em histórias da carochinha e em contos de fada e fábulas e lendas mitológicas diferentes?!…

Não há dúvida que a espécie humana é a mais irracional à face da Terra. Simultaneamente inteligente, e muito muito muito estúpida. E muito muito muito MUITO má.

July 17, 2006

Munições

Posted in eco-techie-habitat, imprensa, up close & personal at 11:05 pm by Ana

Hoje passei pelo Media Markt e trouxe uma ventoinha. Uma coisa modesta, relativamente silenciosa, e das que consumia menos energia. Tem uma cena fixe, um temporizador. E surprise, surprise!, o stock da loja estava no fim, houve um “assalto” às ventoinhas e as prateleiras estavam vazias. Não sou só eu que vivo numa casa construída por gente com conhecimentos e políticas obsoletas… 😛 A propósito, saiu hoje no Público um artigo sobre os novos regulamentos para a habitação:

Parte 1

Parte 2

De passagem por um hiper para trazer algumas mercearias aproveitei e comprei uma cena para afastar as melgas, um difusor Ezalo ou lá o que é. Vamos a ver se esta noite sou eu que ganho a guerra!

Geralmente evito estes biocidas porque receio que sejam prejudiciais à saúde (minha, as melgas podem morrer todas). Mesmo os repelentes para aplicar no corpo, como o Butix, também fico naquela,… será que isto me faz mal? Mas depois lembro-me de todas as doenças tropicais que as melgas podem transmitir e que com as alterações climáticas estão a chegar cá… Bom, vamos a ver se isto resulta.

Next page